CÂMARA MUNICIPAL DE SANTA CECÍLIA DO PAVÃO - PR - Quarta-Feira, 13 de Dezembro de 2017

Movimento pelo fim do pedágio dialoga com Deputados

Aproveitando a sessão itinerante da Assembléia Legislativa do Paraná, realizada na noite de ontem no Teatro Fênix, em Apucarana - cerca de 50 km ao Norte de Londrina -, oito membros do Movimento Popular Contra a Corrupção - Por Amor a Londrina, foram até a Cidade Alta para dialogar com deputados e pedir o apoio dos parlamentares na luta Pelo Fim do Pedágio - Pelo Direito de Ir e Vir.
Durante o evento, que mobilizou autoridades e municípes de Apucarana e outras cidades do Vale do Ivaí, além de Arapongas, Londrina e outras localidades circunvizinhas, o Movimento abriu a faixa confeccionada para reivindicar o fim do pedágio nas estradas paranaenses. 
Antes do início da sessão, foi possível conversar com vários deputados estaduais. De Londrina e Região, foram contatados os parlamentares Gilberto Martin, Luiz Eduardo Cheida e Tercílio Turini, os quais hipotecaram total apoio à mobilização em prol da extinção do pedágio no Paraná, um dos mais altos do Brasil. 
ROSSONI - O presidente da Assembléia, deputado Valdir Rossoni, apesar de ser filiado ao mesmo partido do governador Beto Richa, o qual tem veiculado propagandas elogiosas às concessionárias das rodovias paranaenses, posou para foto junto a faixa do Movimento.
Além de Rossoni e dos deputados de Londrina e Região, manifestaram total apoio ao Movimento os parlamentares Adelino Ribeiro e Marla Tureck. Ao final da sessão, foi feito um contato com Wagner Willian, assessor parlamentar no gabinete da Liderança no PT na Assembleia, que de ficou de repassar ao Movimento uma decisão do Tribunal de Contas da União (TCU). 
Este órgão fiscalizador, a partir de uma solicitação de feita pela então senadora Gleisi Hoffmann, determinou uma série de medidas que deveriam ter sido tomadas pelo DER (Departamento Estadual de Estradas de Rodagem), cujo prazo pra execução teria encerrado no dia 10 deste mês, e, até agora, não se tem notícia de que o órgão estadual tenha cumprido as determinações do TCU.
Durante o evento, que mobilizou autoridades e municípes de Apucarana e outras cidades do Vale do Ivaí, além de Arapongas, Londrina e outras localidades circunvizinhas, o Movimento abriu a faixa confeccionada para reivindicar o fim do pedágio nas estradas paranaenses. 
Antes do início da sessão, foi possível conversar com vários deputados estaduais. De Londrina e Região, foram contatados os parlamentares Gilberto Martin, Luiz Eduardo Cheida e Tercílio Turini, os quais hipotecaram total apoio à mobilização em prol da extinção do pedágio no Paraná, um dos mais altos do Brasil. 
ROSSONI - O presidente da Assembléia, deputado Valdir Rossoni, apesar de ser filiado ao mesmo partido do governador Beto Richa, o qual tem veiculado propagandas elogiosas às concessionárias das rodovias paranaenses, posou para foto junto a faixa do Movimento.
Além de Rossoni e dos deputados de Londrina e Região, manifestaram total apoio ao Movimento os parlamentares Adelino Ribeiro e Marla Tureck. Ao final da sessão, foi feito um contato com Wagner Willian, assessor parlamentar no gabinete da Liderança no PT na Assembleia, que de ficou de repassar ao Movimento uma decisão do Tribunal de Contas da União (TCU). 
Este órgão fiscalizador, a partir de uma solicitação de feita pela então senadora Gleisi Hoffmann, determinou uma série de medidas que deveriam ter sido tomadas pelo DER (Departamento Estadual de Estradas de Rodagem), cujo prazo pra execução teria encerrado no dia 10 deste mês, e, até agora, não se tem notícia de que o órgão estadual tenha cumprido as determinações do TCU.

09/03/2013 16:53:30

2013 © Câmara Municipal de Santa Cecília do Pavão - Todos os direitos reservados